Aprovado Plano de Manejo da RPPN Mata do Professor Baptista

Mais um passo importante foi dado na evolução de uma UC! O Plano de Manejo para a Reserva Particular de Proteção Natural (RPPN) Mata do Professor Baptista foi finalmente aprovado, pela Portaria nº 441, de 04 de junho de 2017. O plano, enviado pelo Instituto Curicaca em parceria com o proprietário Luis Rios de Moura Baptista para avaliação para o ICM-BIO, permite a efetivação da área como uma Unidade de Conservação oficial.

Anúncios

Curicaca relata Audiência sobre Pai-Querê em Lajes (SC)

Relato da audiência de Lajes (SC) ontem – fornecidos pela águia cinzenta por telefone hoje pela manhã:
“Tecnicamente o evento foi muito desqualificado, com omissão de informações relevantes, tipo sem dizer a área que será inundada e desmatada, sem apresentar alternativas locacionais, sem detalhar medidas compensatórias e mitigadoras. A avaliação ambiental integrada da bacia foi apenas citada, bem como o fato de fazer parte da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica. Nem sequer foram apresentadas imagens da área. Os apresentadores são fracos e podem ser facilmente provocados tecnicamente. O IBAMA manteve-se atento e imparcial, concentrado na apresentação do histórico do processo.
Politicamente, como era de se esperar, foi um circo armado para o palanque de discursos locais do poder econômico enfatizando os benefícios sociais e a expectativa para com o empreendimento. Entre os 400 participantes, a maioria estava quieta, o que denota desinformação, dúvidas e falta de mobilização.
Manifestações contrárias surgiram do Ministério Público, que criticou a qualidade do processo e a falta de uma avaliação que considere o impacto do somatório de empreendimentos hidrelétricos na região. Destaque para o Dr. Renê, promotor local, que no final levantou e recebeu aplausos de estudantes e professores presentes.”

ANAMA, Curicaca e MIRA-SERRA unidas pela Biosfera da Mata Atlântica

ONGs indicadas pela APEDEMA participam de Reunião do Comitê Estadual da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica.

O Comitê Estadual da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica do RS – CERBMA/RS – se reunirá no dia 06/03/2012,  às 14 horas, na Rua Carlos Chagas, nº 55, 11º Andar/Sala 1107, em Porto Alegre. Será a 163ª Reunião do Comitê que, numa articulação entre o Elo Estadual da RMA no RS e a APEDEMA/RS, é integrado também pelas ONGs indicadas pela APEDEMA: ANAMA, Curicaca e MIRA-SERRA.

Segundo convite enviado por Maria Isabel Stumpf Chiappetti, Presidente do Comitê Estadual da RBMA, a reunião terá como pauta:

A)    14h: Abertura pela presidente. Avaliação da minuta da ata da Reunião Ordinária de janeiro de 2012. Leitura e ajustes da pauta;

B)    14h30min: Monitoramento das Metas de Aichi como subsídios para o planejamento de ações públicas e da sociedade para a conservação da biodiversidade:

      B.1) Atuação do CERBMA na definição de indicadores para monitoramento das Metas de Aichi através do Anuário Mata Atlântica, via Conselho Nacional – Alexandre Krob, ponto focal do RS;

B.2) Proposta da SEMA para o monitoramento do alcance das Metas de Aichi até 2020 – Dennis Patrocínio, Projeto RS Biodiversidade;

C)    15h30min: Apresentação de estudos sobre sociobiodiversidade:

C.1) “Projeto Palmeira Juçara e Comunidades: manejo sustentável e promoção da cadeia de valor dos frutos” – Letícia Troian, ANAMA;

C.2) “Projeto Cadeia Produtiva do Pinhão” – Alexandre Krob, Curicaca;

D)    16h30min: Assuntos Gerais: D1) Relatos de representantes do CERBMA/RS em Conselhos Consultivos de UCs; D2) Informes: 1) avaliação e encaminhamentos do CERBMA/RS sobre o AHE Pai Querê; 2) Projeto de Lei n° 11/2012 que Institui a Política Estadual dos Serviços Ambientais e o Programa Estadual de Pagamento por Serviços Ambientais; D3) Outros assuntos pautados pelos conselheiros.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Curicaca e o Refúgio Banhado dos Pachecos

Curicaca aproxima-se de agricultores do entorno do Refúgio Banhado dos Pachecos

Técnicos do Curicaca estiveram conversando com Leonildo Zang, membro da Cooperativa dos Produtores Orgânicos da Reforma Agrária (Coperav), para conhecer um pouco mais da produção de arroz no Assentamento Filhos de Sepé, em Viamão. A visita aconteceu na última terça-feira, para conhecer o sistema de produção e distribuição do arroz orgânico cultivado nas propriedades, que têm como Reserva Legal o Refúgio de Vida Silvestre Banhado dos Pachecos, Unidade de Conservação (UC) onde a ONG atua. Em conversa com um dos precursores do cultivo do arroz sem o uso de agrotóxicos no Assentamento, iniciado há mais de dez anos, foram abordados temas de interesse comum como aproveitamento das características locais e disposição da comunidade para iniciativas voltadas ao ecoturismo e ações de integração com Refúgio.
Clique aqui e leia essa notícia na íntegra e conheça mais ações dessa ONG tão importante para o Movimento Ecológico Gaúcho.