Documentário sobre Magda Renner e Giselda Castro será lançado em 2014 – veja uma prévia de 5 minutos

A jornalista Daniela Sallet e a Zapata Filmes irão lançar no primeiro semestre de 2014 o documentário intitulado Substantivo Feminino sobre a vida e a importância da obra das grandes damas do ecologismo Magda Renner e Giselda Castro.  Ambas atuaram na ADFG – Ação Democrática Feminina Gaúcha, transformada por elas mesmas e os associados no Núcleo Amigos da Terra Brasil, integrante da Federação Internacional dos Amigos da Terra, e associada da APEDeMA/RS.  Segue o texto, fotos e o link para o  ‘trailer’ de 5 minutos do filme que terá 70 minutos de duração – o material divulgado já inclui partes dos depoimentos de Antenor Ferrari, Celso Marques, Káthia Vasconcellos Monteiro, Fábio Feldman, Roberto Smeraldi, José Truda Palazzo Jr, Germano Bonow, Gislene Monticelli e familiares das duas.  

Substantivo Feminino Daniela Sallet Producoes 11
Magda Renner em manifestação no centro de Porto Alegre em favor da proteção do clima.

Substantivo Feminino é o título do longa-metragem documental que resgata a história de duas mulheres pioneiras e fundamentais para a militância ambiental no Rio Grande do Sul e no Brasil. Mais do que isso, a atuação de ambas tive inserção internacional no movimento em defesa do meio ambiente.

Integrantes de famílias tradicionais e com trânsito nos meios políticos e sociais, Giselda Castro e Magda Renner eram mães quando se depararam com causas que as mobilizaram para além dos limites domésticos. E não se calaram diante de ações que ameaçavam o Meio Ambiente, os animais e as pessoas.

Substantivo Feminino Daniela Sallet Producoes 10
Giselda Castro também seguidamente para a rua, no mundo inteiro.

As ativistas começaram em 1964, promovendo ações de cidadania junto à população carente e desinformada na Ação Democrática Feminina Gaúcha (ADFG). Pela atuação de Giselda e Magda, a ADFG se tornou o braço brasileiro da Friends of the Earth (Amigos da Terra). A organização internacional de proteção ao Meio Ambiente tem representações em mais de 70 países. A partir de então, as duas percorreram o mundo em conferências internacionais, na ONU e no Banco Mundial.

Substantivo Feminino tem depoimentos de ativistas brasileiros e de estrangeiros que conviveram com Magda e Giselda nas mobilizações internacionais. O filme marca a estreia da Daniela Sallet Produções no cinema documentalCom codireção de Daniela Sallet e Juan Zapata, reúne um grupo de profissionais com currículo consolidado do mercado audiovisual: o cineasta Frederico Pinto; os diretores de fotografia Edson Gandolffi , Pablo Rosa e Pablo Chasseraux; o montador Daniel Dode; o compositor Leo Henkin e o engenheiro de som Kiko Ferraz. A previsão de lançamento é para o primeiro semestre de 2014, quando o Núcleo Amigos da Terra – NAT Brasil – completa 50 anos.

Ficha Técnica:

  • Título: Substantivo Feminino
  • Ano de produção: 2014
  • Idioma original: Português
  • Duração: 70 min
  • Formato de captação: DV/HDV
  • Direção: Daniela Sallet e Juan Zapata
  • Roteiro e Produção: Daniela Sallet
  • Direção de Fotografia: Edson Gandolffi, Pablo Rosa, Pablo Chasseraux
  • Som Direto: Fabio Ott, Theo Portalet
  • Imagens: Daniel  De Bem
  • Imagens de Arquivo: RBS TV, TVE RS
  • Montagem: Daniel Dode, Frederico Pinto
  • Montagem Vídeo Promo: Daniel Dode
  • Tradução: Maiara Viegas
  • Legendas Vídeo Promo: Ricardo Azevedo
  • Trilha: Leo Henkin
  • Supervisão de som: Kiko Ferraz
  • Produção: Daniela Sallet Produções e Zapata Filmes

Fonte: http://danielasalletproducoes.com/substantivo-feminino/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s