Quilombo dos Machado

Captura de Tela 2017-10-08 às 22.45.46O Conheça mais sobre o Quilombo dos Machado e sobre a situação legal quilombola. Contribuição de Patrícia Gonçalves, da Frente Quilombola RS​ e do Amigos da Terra Brasil​, e do Rodrigo Machado, integrante da comunidade do Quilombo dos Machado, durante o o seminário “Situação Legal dos Territórios Não Brancos”.

O seminário, que aconteceu no dia 28 de setembro de 2017, fez parte da programação do evento Enegrecendo setembro, no Instituto Federal. Durante todo setembro, o evento promoveu debates e atividades para contribuir na construção de uma outra visão sobre o mês de setembro e contrapor o sentimento de orgulho farroupilha do Rio Grande do Sul.  Lanceiros Negros vivem!

Assista ou compartilhe do canal do Youtube do Amigos da Terra Brasil:
https://youtu.be/qUAorytSdbE

Anúncios

Seminário contra o Extrativismo no Rio Grande do Sul acontece nesta sexta, na UFRGS

Com o apoio do INGÁ e da AGAPAN, entre outras instituições, o Grupo de Pesquisa Organização & Práxis Libertadora da Escola de Administração da UFRGS realiza nesta sexta-feira (6/10/2017), no Auditório da Faculdade de Ciências Econômicas da UFRGS o seminário “Pela Vida Contra o Extrativismo e a Mineração no RS”. O evento começa às 9h e se estende até às 16h.

O local  será o Auditório da Faculdade de Ciências Econômicas da UFRGS na av. João Pessoa,  52

A empresa Votorantim Metais Holding (uma joint venture entre Votorantim Metais Holding e Mineração Iamgold Brasil) pretende extrair do solo zinco, chumbo e cobre, transformando um depósito de 29 milhões de toneladas de minério na região do alto Camaquã em uma mina a céu aberto com vida útil de 20 anos. A exploração de minério em minas a céu aberto é uma prática altamente destrutiva. Não há registros de mineração nesses moldes que não tenham gerado consequências negativas. Atualmente, o projeto está sendo contestado na Fepam.Pela relevância do tema e as ameaças que um projeto desta magnitude representam, o grupo de pesquisas Organização e Práxis Libertadora (www.ufrgs.br/organizacaoepraxislibertadora) promove o seminário ‘Pela Vida Contra o Extrativismo e a Mineração no RS’, que reunirá pesquisadores e lutadores sociais organizados para contestar o projeto.

O evento conta com o apoio da Regional ANDES-RS, Seção Sindical ANDES-SN/UFRGS, APG-UFRGS, SBEO, Agapan e Ingá.

Pede-se ampla divulgação. As inscrições serão feitas no local.

As inscrições serão realizadas no local.

11/9 – História e perspectivas do movimento ecológico gaúcho é a pauta do próximo Agapan Debate

Como avançar diante de um cenário político-econômico de ataque ao ambiente natural?
As constantes e crescentes investidas contra o patrimônio ambiental brasileiro e mundial demandam maior atenção e empenho de entidades ambientalistas e demais integrantes da luta em defesa do ambiente natural, que, em sua grande maioria, trabalham de forma voluntária e economicamente dispendiosa.
Casos como a criminosa ação contra o rio Doce, que até hoje não puniu os culpados pela maior catástrofe ambiental provocada pela ação humana no Brasil, o desmatamento e o envenenamento do solo e da água provocados pela cultura agroindustrial brasileira, entre outros, nos apontam para a necessidade refletir sobre o atual estágio do ambientalismo praticado, em especial, aqui no Rio Grande do Sul e no Brasil.
Rever a história do ambientalismo, que conta com o importante protagonismo da Agapan, desde 1971, e entender os desafios que vêm pela frente são fundamentais para qualificar e ampliar a mobilização em torno da luta ecológica.

Continuar lendo

16 e 17/9 – Taís Fonseca aborda as 3 Ecologias, no Rincão Gaia

Captura de Tela 2017-09-05 às 00.45.48.pngA Fundação Gaia, associada da APEDeMA/RS, promove dias 16 e 17 de novembro o curso sobre ‘3 Ecologias’, com Taís Fonseca, inspirada no filósofo Felix Guatarry.

Captura de Tela 2017-09-05 às 00.59.49.pngAinda há vagas para a vivência que ocorrerá no Rincão Gaia . O lugar dedicado à difundir o pensamento ecológico e holístico,  um exemplo prático de restauração ambiental, construído em cima de uma pedreira, em Pantano Grande, município de Rio Pardo.

Maiores informações e inscrições pelo
telefone /Whatsapp: 99725-3685, ou por email reservas@fgaia.org.br

Evento no Facebook

6/9 – Ingá e Viveiros Comunitários organizam painel sobre O Papel das Unidades de Conservação no Desenvolvimento Regional

Para discutir O Papel das Unidades de Conservação no Desenvolvimento Regional as iniciativas Viveiros Comunitários e o Instituto Gaúcho de Estudos Ambientais – InGá, como o apoio do Instituto de Biociências e da Pró-Reitoria de Extensão da UFRGS, Paulo Carlos Grübler e Fernanda Schmitt estarão no Anfiteatro do Dep. de Botânica, no Campus do Vale da UFRGS, a partir das 18h30min, na próxima quarta, 6 de setembro.

O debate faz parte do ciclo que aborda as Políticas Públicas em Biodiversidade À Beira do Abismo promovido pelas entidades.

Captura de Tela 2017-09-04 às 08.36.39.jpeg

Amigos da Terra Brasil e Alemanha convidam para minicurso sobre Políticas Climáticas

Captura de Tela 2017-07-07 às 08.36.06Realiza-se nesta sexta-feira, dia 7 de Julho, no IAB RS, das 8h30min às 12h30min o minicurso sobre Políticas Climáticas organizado pelos Amigos da Terra Brasil e Amigos da Terra Alemanha, com a participação de representantes da Fundação Heinrich Böll Brasil, FASE,  e outras entidades.

As inscrições são gratuitas.
Continuar lendo

Agapan promove encontro sobre “Agroecologia: a herança dos povos tradicionais”

Captura de Tela 2017-05-28 às 21.17.40.jpegA AGAPAN – Associação Gaúcha de Proteção ao Ambiente Natural vai promover em 19 de junho, próxima segunda-feira,  a palestra do educador José Maria Tardin sobre “Agroecologia: a Herança dos Povos Tradicionais”.

O encontro ocorrerá no Clube de Cultura (rua Ramiro Barcellos, 1853, com início às 19h e sob a mediação do presidente da entidade, Eng. Agrônomo Leonardo Melgarejo.