Faleceu Flávio Lewgoy, ex-presidente da Agapan

Captura de Tela 2015-11-07 às 17.13.49Faleceu nesta manhã de sábado (7/11/2015), em Porto Alegre, o professor aposentado da UFRGS Flávio Lewgoy, presidente da AGAPAN – Associação Gaúcha de Proteção ao Ambiente Natural  que substituiu José Lutzenberger na função, em 1983, de quem era o vice-presidente. Lewgoy estava com 89 anos de idade e lutava contra um câncer no Hospital Moinhos de Vento. Foi um dos grandes líderes saídos da Universidade que colaboraram na luta contra a instalação do III Pólo Petroquímico e na criação da Lei dos Agrotóxicos. Na sua gestão como presidente, em 1984, a entidade promoveu, com a Associação Ecológica Irmão Sol, Irmã Lua, o primeiro encontro de entidades ecologistas no Rio Grande do Sul, em Santa Maria.

Deixou a esposa Bela, os filhos Ana Beatriz, Suzete, Henrique e Bernardo, e netos.

O enterro acontecerá às 11h deste domingo no Cemitério da União Israelita Portoalegrense – av. Oscar Pereira, 1125.

Depois de alguns mandatos na diretoria continuou ativo no Conselho Superior da AGAPAN e na sua Comissão Técnico-Científica embasando opiniões divulgadas pela entidade em diversas situações, como a que a AGAPAN se opôs à duplicação da Celulose Riograndense (ex-Borregaard e Riocell), situada em Guaíba, RS.  Foi membro do Conselho Estadual do Meio Ambiente – Consema, aonde chegou concorrer à Presidência.

Lewgoy era químico com especialização em genética. Trabalhou no Departamento de Genética da UFRGS, aonde foi Professor, inclusive no pós-graduação, e como perito-criminalístico químico do então Instituto de Criminalística do Estado do RS. Nesta instituição, criou o laboratório de química forense, dedicado a levantar e a verificar provas em crimes e a perícias em incêndios.  (ler e ouvir depoimento de 2009 – 1h37min em áudio))

ENTREVISTA NA IPANEMA COMUNITÁRIA – O ambientalista Flávio Lewgoy,  ex-presidente da AGAPAN – Associação Gaúcha de Proteção ao Ambiente Natural, foi o convidado do Cidadania Ambiental transmitido originalmente em 31/5/2011 pela emissora comunitária da região de Ipanema, zona sul de Porto Alegre.  Na conversa, Lewgoy, Químico de formação, relata como foi construída a histórica Lei dos Agrotóxicos; seu relacionamento com José Lutzenberger e como resolveu participar da entidade.  A entrevista foi concedida em sua residência ao jornalista João Batista Aguiar e fez parte de uma série apresentada para rememorar e comemorar os 40 anos da Agapan, em 2011. Ouça o programa na íntegra.

O DETETIVE DA POLUIÇÃO – Excelente artigo publicado pelo Jornalista Roberto Villar Belmonte conta a vida de Lewgoy com um foco na luta contra a poluição química e outros aspectos – O Detetive da Poluição -A luta de Flávio Lewgoy contra os resíduos tóxicos da modernidade –  Leia a íntegra na origem.

(texto e foto: jbsa)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s