Movimentos sociais farão marcha de protesto na abertura da Rio+20

Uma marcha de protesto será realizada nas ruas do Rio no dia 20 de junho deste ano, quando será aberta oficialmente a Conferência das  Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20. “Existe uma proposta inicial de a gente ir até o Forte de Copacabana encontrar os empresários”, diz o ambientalista Carlos Henrique Painel, membro do Comitê Facilitador da Sociedade Civil para a Rio+20 e coordenador do Fórum Brasileiro de Organizações Não Governamentais e Movimentos Sociais (Fboms).

A marcha integra o Dia de Ação Global, que inclui várias atividades a serem empreendidas no mundo inteiro por organizações da sociedade civil que não poderão estar presentes à Cúpula dos Povos – evento paralelo à Rio+20, que ocorrerá no período de 15 a 23 de junho, no Aterro do Flamengo. “Haverá atividades nos Estados Unidos, na América Latina, na Europa, e a gente espera que na África também. É um Dia de Ação Global”, reforçou Carlos Painel.

Leia essa notícia completa no Site do SUL21.

A APEDEMA/RJ (Assembleia Permanente de Entidades de Defesa do Meio Ambiente do Estado do Rio de Janeiro) faz parte do Comitê de Força-Tarefa para auxiliar na organização da Rio+20. Farão parte dessa comissão o ISA (Instituto Socioambiental), a REAPI (Rede Ambiental do Piauí), o Instituto Ipanema, a REJUMA (Rede da Juventude pelo Meio Ambiente e Sustentabilidade) e o CEA (Centro de Estudos Ambientais), ONG filiada À APEDEMA/RS.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s