Código Florestal: gaúchos defendem plebiscito

Althen Teixeira Filho relacionou o financiamento das campanhas às alterações propostas do Código

Decisão foi encaminhada durante encontro ocorrido nessa quinta-feira (15) no Plenarinho da Assembleia Legislativa, em Porto Alegre, que reuniu dezenas de representantes de sindicatos, ONG’s e associações no Seminário do Comitê Gaúcho em Defesa das Florestas e da Biodiversidade. Os palestrantes foram os professores de universidades federais Paulo Brack (UFRGS), e do INGA, associada da APEDEMA/RS, que abordou os danos socioambientais da proposta de alteração do Código Florestal Brasileiro (CFB), e Althen Teixeira Filho (UFPEL)), que relacionou o financiamento de campanhas políticas com as alterações do CFB.

O advogado e mestrando em Direito Ambiental Cristiano Pacheco abordou, dentre outros temas, as estratégias de desvio da discussão da proposta de alteração ao CFB que, segundo ele, serviram para manipular a opinião pública. Dentre os encaminhamentos do Seminário está o acordo de mobilização em prol da realização de um plebiscito visando a inclusão de todos os setores sociais, de modo a permitir o acesso do cidadão à mesa de discussões referentes à proposta de alteração do Código Florestal Brasileiro.

Acesse a matéria original e foto da Jornalista Eliege Fante, especial para a EcoAgência Solidária de Notícias Ambientais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s